Reinventando as organizações

Dizer que o mundo está em transição já virou até clichê em algumas situações. No aspecto pessoal, há inúmeras literaturas e cursos para buscar uma reinvenção pessoal, porém para as organizações não existia um “guia” para mostrar de forma clara a evolução das organizações.

O livro “Reinventando as Organizações” traz uma abordagem sobre a evolução das organizações desde a época das tribos até as organizações mais focadas no PROPÓSITO.


Em especial, vale notar os três avanços chave das organizações inovadoras, que ele chama de “Teal” (verde-azulado em inglês):

  • Auto-gestão: estrutura baseada em grupos autônomos, com uma ausência quase total das figuras dos gestores e de mecanismos de comando e controle (metas, orçamentos, incentivos etc).
  • Integralidade: práticas e espaços para que os colaboradores possam se expressar como seres humanos inteiros, com suas emoções, intuições, espiritualidade e personalidades, sem ter que usar máscaras.
  • Propósito evolucionário: as organizações são incorporações de um propósito maior, que está vivo e pulsante em toda a suas ações e orienta as decisões.

Fonte: CoCriar


Workshop Reinventando as Organizações

Um grupo de pessoas se uniu para COCRIAR workshops sobre “Reinventando as Organizações”. Foram criados vários grupos: Grupo do Workshop, grupo da comunicação, grupo de pesquisa, etc.

Estou no grupo de comunicação e achei legal o texto de boas-vindas para página no Facebook.

Bem-vindos ao Movimento Reinventando as Organizações Brasil
Somos uma rede viva e autogerida, que une pensadores e profissionais de diversas áreas em torno do mesmo propósito: impulsionar o novo estágio de consciência humana nas relações profissionais (seja em âmbito individual ou organizacional).

Aqui trocamos saberes, conteúdos, cases e práticas que nos inspiram, baseados no livro do Frederic Laloux e nas novas lógicas de organização que emergem. Divulgamos também eventos, cursos, grupos de estudo e iniciativas para aqueles que querem vivenciar com a gente uma nova realidade.

Reverberamos propósito evolutivo, integralidade e autogestão. Acreditamos que pode ser diferente. A construção de uma sociedade mais próspera e com relações mais íntegras e genuínas depende de cada um de nós.

Me animei e criei uma proposta de banner e escolhi algumas imagens para ilustrar:

  • Borboleta – Metáfora tradicional de transformação
  • Multidão em forma de seta – Mostrar a união em torno de uma causa comum
  • Pessoas e ideias – Representa a troca de ideias através de encontros
  • Flor de Lótus – Ao florescer na água lodosa, que representa os desejos carnais, ela simboliza a pureza do corpo e mente.
    A flor de Lótus fechada ou em botão é um simbolismo das infinitas possibilidades do Homem, enquanto que a flor de lótus aberta representa a criação do Universo.
    (Fonte: https://www.significados.com.br/flor-de-lotus/)

Banner – Movimento Reinventando as Organizações Brasil de Reinventando as Organizações

Você já se REINVENTOU?

A reflexão que trago da experiência em participar de diversos grupos colaborativos é que há uma grande distância entre o racional e o que realmente praticamos. Lógico que todos que conhecem conceitos de livros como “Reinventando as organizações” e outros temas como CNV (Comunicação Não-violenta), Fluxonomia, PNL, Leader Training, etc. irão afirmar que concordam e que “praticam” estes conceitos.

A verdade é que entre teoria e prática há um longo caminho. Nos grupos do Whatsapp vejo uma competição para trazer “o melhor” conteúdo e acaba virando um streaming como o Facebook. Eu sempre defendo focar mais em ações reais de participantes do grupo ou de ENCONTROS em eventos presenciais. APOIAR o pedido de algum membro que está em busca de algo, ao invés de simplesmente ignorar e fazer outro post diminuindo a importância da outra pessoa.

Gravei um vídeo para falar sobre Colaboração e Novas Economias de Futuro. Espero que gostem.

Antes de reinventar as organizações, precisamos nos REINVENTAR!

Por este motivo, te convido para fazer sua Jornada Ikigai. Visite o site.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo